Mococa investe em linhas de envase SIG visando crescimento de produção de leite condensado

 

 

  • Novas máquinas SIG inovam por promover maior flexibilidade produtiva de lácteos com capacidade para até 12 mil unidades/hora;

 

  • Isolamento social decorrente da pandemia eleva consumo de leite condensado em 7.7% até outubro de 2020; indústria investe para dar conta da demanda que tende a se manter aquecida;


A SIG, empresa especializada em envase e embalagens cartonadas, acaba de fechar uma parceria com a Mococa Produtos Alimentícios, empresa centenária reconhecida nacionalmente pela produção de laticínios. O investimento será aplicado na instalação de novas máquinas para envase dos produtos lácteos como leite condensado e creme de leite na fábrica da Mococa localizada na cidade que dá nome à empresa, no interior de São Paulo.

 

Por ter nascido como uma empresa familiar, de produção artesanal, a Mococa sempre deu grande atenção ao controle de matérias-primas, produção e envase, tudo para garantir a qualidade de seus produtos. Como parte dos investimentos em inovação e tecnologia, as novas linhas de envase SIG para a Mococa acompanha também um outro movimento, o aumento de consumo provocado pelo isolamento domiciliar, decorrente da pandemia do novo Coronavírus. Segundo dados Kantar, de janeiro a outubro de 2020, houve um aumento de 7.2% no consumo de leite condensado quando comparado ao mesmo período de 2019.

 

As duas novas máquinas SIG, para a produção do modelo combiblocSmall, serão capazes de envasar volumes que variam de 200 ml até 350 ml, com capacidade de até 12 mil unidades por hora. “As novas linhas da SIG agregam em inovação e alta tecnologia por conferir um diferencial bastante competitivo para a Mococa no seu segmento de lácteos, a versatilidade de volume e do tipo de alimento lácteo”, explica Andressa Joaquim, Diretora de Mercados da SIG para a América do Sul. “Nossas linhas de envase possibilitam que a Mococa produza mais, em diversos tamanhos e volumes de embalagens, além de viscosidades diferentes” completa Andressa.

 

As novas máquinas da Mococa serão responsáveis por duas linhas capazes de envasar leite condensado e creme de leite. “Essa versatilidade que a SIG nos trouxe vai possibilitar que a Mococa tenha uma maior produtividade em sua produção, além de um baixo índice de perdas. As duas linhas estão trazendo flexibilidade de formatos para nossos produtos, ampliando nossa atuação e possibilidades de mercado”, explica Filipe Oliveira, Diretor da Mococa.

 

Desenvolvido por KYU design gráfico